Rankings

6 de janeiro de 2022

Ranking digital dos clubes brasileiros – Jan/2022

Clubes somam 24,6 milhões de novas inscrições em suas redes sociais em 2021, maior volume de toda a série histórica

Em ano marcado pela retomada do calendário padrão das competições, os clubes brasileiros de futebol somam 24,6 milhões de novas inscrições, um crescimento de 4% em relação a 2020

 

  • Flamengo evolui sua base digital em 20% e soma 7,3 milhões de inscritos em 2021;
  • Palmeiras ganha 2,4 milhões de inscrições e crescimento se destaca perante rivais;
  • Corinthians obtém terceiro maior resultado anual entre clubes com 2,2 milhões de inscrições;
  • Atlético MG soma 1,2 milhão de inscritos no ano, ultrapassa Vasco e assume 7ª posição geral;
  • São Paulo registra quinto maior crescimento anual com 1,5 milhão de inscritos;
  • Cruzeiro ganha destaque no crescimento mensal com anúncio de transição para modelo SAF;
  • Red Bull Bragantino e Cuiabá dobram suas bases de seguidores em 2021.

 

São Paulo, 06 de janeiro de 2022 – Na edição deste mês do Ranking Digital dos Clubes Brasileiros, o IBOPE Repucom destaca o desempenho anual no volume de novos inscritos nas redes sociais dos 50 clubes monitorados durante o ano de 2021. No acumulado anual, os cinco clubes que mais se destacaram na aquisição de novas inscrições foram: Flamengo (7,3 milhões de inscrições), Palmeiras (2,4 milhões),  Corinthians (2,2 milhões), São Paulo (1,5 milhão) e Atlético Mineiro (1,2 milhão). A seguir a lista completa com o desempenho de todos os clubes monitorados em 2021.

Sobre o desempenho mensal em dezembro/21, os cinco clubes que se destacaram no crescimento mensal foram: Flamengo, Atlético MG, Corinthians, Cruzeiro e Palmeiras. Juntos, foram responsáveis por cerca de 1,4 milhão de inscrições, ou 63% das mais de 2,2 milhões de  inscrições entre todos os clubes no período.

No último mês, o Flamengo liderou o crescimento com mais de 460 mil inscritos, mais de 50% vindos de seu perfil no Instagram. Quanto ao resultado anual, o clube somou 7,3 milhões de inscritos em 2021, o que representa 30% das 24,6 milhões de inscrições entre todos os clubes monitorados no período. Ou seja, quase uma em cada três inscrições nos perfis oficiais dos clubes em redes sociais em 2021 foram em perfis do Flamengo.

O Palmeiras, campeão das duas últimas edições da Copa Libertadores da América, obteve o segundo maior crescimento anual ao somar próximo de 2,4 milhões de novas inscrições em 2021. O clube alviverde obteve um crescimento em sua base digital de 19%, comparado com 2020. Esta variação de crescimento é praticamente o dobro dos rivais paulistas, que cresceram 10%, em média, no último ano. Já sobre o crescimento em dezembro, o clube também esteve entre os cinco maiores crescimentos ao somar 194 mil novas inscrições.

O Corinthians fecha o pódio mensal ao registrar o terceiro melhor resultado do último mês. Foram mais de 215 mil novas inscrições no combinado de suas contas. Durante 2021, o clube foi o terceiro que mais adquiriu novos inscritos em seus perfis sociais. Ao todo, houve 2,2 milhões de novas inscrições nas redes do clube, um crescimento de 9%.

O Atlético Mineiro, campeão da Série A do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil, obteve o segundo melhor desempenho mensal ao somar mais 336 mil novos inscritos no combinado de suas redes ao longo do mês de dezembro, seu melhor resultado em todo o ano. Ainda no último mês, o Galo liderou o crescimento no TikTok e no YouTube, além de ultrapassar a marca de 2 milhões de inscritos em seu perfil no Instagram. Sobre seu desempenho anual, o clube foi o 5º que mais somou novas inscrições em 2021, totalizando 1,2 milhão entre seus perfis oficiais. Com estes resultados, o clube ultrapassou o Vasco da Gama e assumiu a 7ª posição geral no ranking.

O São Paulo foi o quinto clube que mais adquiriu novos inscritos em seus perfis sociais ao longo do último ano. Ao todo, foram 1,5 milhão de novas inscrições nas redes do Tricolor Paulista, e um crescimento anual de 9% – similar aos crescimentos  de Corinthians (9%) e Santos (10%) e abaixo do Palmeiras (19%).

O Cruzeiro obteve grande destaque no final de 2021 com a notícia de transição do clube para o modelo SAF (Sociedade Anônima do Futebol) e alcançou mais de 205 mil novas inscrições em suas redes oficiais. Com este resultado o clube obteve o quarto maior crescimento mensal em dezembro e ultrapassou a marca dos 8 milhões de inscrições, no combinado de suas redes. No ano, o clube cresceu sua base em 8% ao somar 576 mil novas inscrições.

Destacam-se também Red Bull Bragantino e Cuiabá, que em 2021 viram suas bases digitais dobrarem de tamanho. O Red Bull Bragantino somou 612 mil novas inscrições, um crescimento de 145% em relação a dezembro de 2020. Já o Cuiabá, em seu ano de estreia na Série A, obteve crescimento de 154% ao somar 275 mil novas inscrições.

 

Veja abaixo o levantamento completo:

Fonte: IBOPE Repucom – Ranking digital dos clubes brasileiros

O levantamento é divulgado mensalmente pelo IBOPE Repucom e tem o objetivo de acompanhar o desenvolvimento das bases digitais dos 50 clubes com o maior número de seguidores do país.

Obs.: a conta oficial do Íbis no Facebook está temporariamente suspensa e não será contabilizada no estudo até que seja restabelecida pela plataforma.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Veja também

1 de dezembro de 2017

Ranking digital dos clubes brasileiros - Dez/2017

Heptacampeonato impulsiona crescimento e Corinthians reassume a liderança do ranking; Campeão da... [ Veja mais ]

5 de julho de 2017

Ranking digital dos clubes brasileiros - Jul/2017

Flamengo segue liderando crescimento em volume de inscritos; Atlético-MG passa a divulgar sua... [ Veja mais ]

4 de maio de 2022

Ranking digital dos clubes brasileiros – Mai/2022

Flamengo chega à marca inédita de 46 milhões de inscrições em suas... [ Veja mais ]