Notícias

3 de agosto de 2021

Brasil conquista quatro medalhas em um único dia na Vela, Atletismo e Boxe

Pesquisa do IBOPE Repucom indica paixão dos brasileiros pela Vela, Atletismo e Boxe

 

São Paulo, 3 de agosto de 2021 – O esporte brasileiro viveu um momento único nos Jogos Olímpicos de Tóquio, nesta terça-feira, ao conquistar quatro medalhas em um único dia: ouro na Vela com a dupla Martine Grael e Kahena Kunze, bronze no Atletismo com Alison dos Santos (400m com barreiras) e Thiago Braz (salto com vara) e no Boxe com Abner Teixeira.

O Sponsorlink, pesquisa do IBOPE Repucom sobre inteligência em comportamento, hábitos e atitudes sobre patrocínio e consumo de mídia dos fãs de esporte, indica a paixão dos brasileiros por esses três esportes tão distintos.

 

Esporte de “elite”, Vela tem 21,2 milhões de fãs no Brasil

As “meninas de ouro” do Brasil são, na verdade, bicampeãs olímpicas na categoria 49er FX. A primeira medalha veio na Rio-2016 e a segunda, na madrugada desta terça-feira aqui no Brasil, a bordo do barco batizado de “Tsuru”, na baía de Enoshima. O nome é de um origami em formato do pássaro mitológico que é sinal de boa sorte.

Grupo de fãs conectados com maior proporção de renda entre todos os esportes analisados pelo Sponsorlink, engana-se quem pensa que a Vela é um esporte desconhecido no Brasil. A pesquisa indica 21,2 milhões de fãs, com um público equilibrado, 50% masculino e 50% feminino.

 

Atletismo está entre os dez esportes com mais fãs

Alison dos Santos, o “Piu”, esbanjou carisma dentro e fora das pistas e começou o dia escrevendo mais um capítulo importante do Atletismo brasileiro ao conquistar o bronze nos 400m com barreiras, com a marca de 46s72, a quarta mais rápida de todos os tempos e novo recorde sul-americano.

Depois, foi a vez de Thiago Braz. Medalha de ouro na Rio-2016, o atleta voltou ao pódio do salto com vara em Tóquio, só que dessa vez com o bronze, ao passar o sarrafo a 5,87m.

A pesquisa mostra que o Atletismo é um dos dez esportes com maior volume de fãs entre os brasileiros conectados. São 49,4 milhões (48% do universo de internautas brasileiros com 18 anos ou mais), sendo 52% homens (12% a mais que a média).

Entre os praticantes, segundo o IBOPE Repucom, 64% são homens (38% a mais que a média) e 43% tem entre 18 e 29 anos (48% a mais que a média).

Boxe é o preferido entre as modalidades de luta

O pugilista Abner Teixeira ganhou a primeira medalha brasileira no Boxe dos Jogos Olímpicos de Tóquio, na categoria até 91kg. E o país ainda tem Bia Ferreira e Hebert Conceição nas semifinais. Se derrotados, vão ficar com o bronze. Ao todo, são três medalhas garantidas.

De acordo com os dados do Sponsorlink, o boxe é a modalidade de luta com mais fãs entre os brasileiros conectados e está entre os 15 esportes mais populares do País, com 42,8 milhões de fãs, ou seja, 42% universo total pesquisado. Desses, 58% são homens e dois terços têm até 39 anos.

 

Sobre o Sponsorlink

Maior pesquisa especializada em esportes do mundo, é uma solução do IBOPE Repucom que traz informações sobre hábitos, atitudes sobre patrocínios, consumo de meios e comportamento de compra entre fãs de campeonatos e modalidades esportivas.

Universo: representatividade de 102,2 milhões de internautas brasileiros com 18 anos ou mais. Onda: abril/2021

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Veja também

28 de novembro de 2017

IBOPE Repucom: metodologia de coleta para avaliação de...

<div class="video-container"> <iframe width="728" height="410" src="http://www.iboperepucom.com/media/2017/11/IBOPE-Repucom-Retorno-de-Exposição.mp4" frameborder="0" allowfullscreen></iframe> </div> <div class="video-shadow"></div> [ Veja mais ]

2 de junho de 2016

83% dos superfãs de basquete do Brasil vinculam...

Com final da NBB, entre o Bauru e Flamengo, em Marília (SP),... [ Veja mais ]

30 de maio de 2018

A ascensão da NBB: torneio se consolida como...

<h4><em>IBOPE Repucom destaca a evolução da participação do torneio no volume de... [ Veja mais ]