Rankings

4 de maio de 2018

Ranking digital dos clubes brasileiros – Mai/2018

Flamengo segue líder, mas a distância para o Corinthians diminui consideravelmente;

Corinthians lidera o volume de crescimento em todas as plataformas;

São Paulo atinge 13 milhões de inscritos em suas redes sociais;

Palmeiras ultrapassa os 3 milhões de seguidores no Twitter;

Cruzeiro registra crescimento expressivo entre os dez maiores clubes do ranking;

Botafogo ganha posição no ranking e mira alcançar o rival Fluminense;

Fortaleza alcança maior variação de crescimento, ganha posição e encosta no rival Ceará.

 

 

São Paulo, 8 de maio de 2018 – Com o levantamento deste mês, o IBOPE Repucom destaca o crescimento das bases digitais de Corinthians, Flamengo, Palmeiras e Cruzeiro, responsáveis pelos crescimentos mais relevantes do no período.

No topo do ranking, Flamengo e Corinthians seguem na liderança. Porém, o clube da Gávea viu a diferença para os paulistas diminuir no levantamento atual. No ranking de março, por exemplo, a diferença entre Flamengo e Corinthians era de 143 mil inscritos. Já no levantamento atual, o clube paulista diminuiu cerca de 70% dessa diferença, com pouco mais de 45 mil inscritos separando os clubes. O time carioca foi o segundo com maior volume de inscritos (215 mil), com origem principalmente em suas contas no Facebook e no Instagram, responsáveis por 60% do crescimento. O clube carioca também liderou o volume de crescimento do Facebook, com cerca de 80 mil novos inscritos.

O Corinthians lidera em volume de crescimento em abril e agregou novos 261 mil novos inscritos em suas contas oficiais, sendo 76% com origem em suas contas no Instagram e YouTube. Inclusive foi o clube que mais cresceu, em volume de inscritos, no Twitter, Instagram e YouTube no período.

O São Paulo Futebol Clube atingiu a marca de 13 milhões de inscritos em seus canais oficiais do Facebook, Twitter, Instagram e YouTube. Os paulistas seguem isolados com a terceira maior base digital do país, 3,8 milhões à frente do quarto colocado, Palmeiras.

O Palmeiras, por sua vez, atingiu os 3 milhões de seguidores em sua conta oficial no Twitter, e é o quarto clube brasileiro a ultrapassar os três milhões de inscritos na plataforma. O Palmeiras foi o clube dentre o TOP 5 com maior variação de crescimento referente ao levantamento anterior, com evolução de 1,4% no combinado de seguidores, que fez o clube registrar o quarto maior crescimento em volume de seguidores entre os clubes monitorados, somando 126 mil novos inscritos no período.

O Botafogo, apoiado principalmente pelo crescimento em sua conta oficial no Twitter (15 mil novos inscritos no período), ultrapassou o Sport e assumiu a 13ª posição geral no ranking. Com isso, o “clube da estrela solitária” fica a 35 mil inscritos de alcançar o rival Fluminense, atual 12º colocado. Hoje, o Botafogo possui a 3ª maior conta entre os clubes cariocas no Twitter, Instagram e YouTube.

O Cruzeiro foi o clube com maior variação de crescimento em relação ao mês anterior, entre os 10 primeiros colocados no ranking. Os mineiros viram sua base digital aumentar em 1,8%, com um total de 104 mil novos inscritos. Outro clube com expressiva variação de crescimento foi o Fortaleza, o clube cearense somou cerca de 31 mil novos inscritos no último mês, uma evolução de 3%, a maior entre os 20 primeiros colocados. Com este feito o Fortaleza assumiu a 20ª posição do ranking, ultrapassando o Figueirense e ficando a uma posição do rival Ceará.

Confira abaixo o levantamento atual:

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Veja também

15 de agosto de 2016

Ranking digital dos clubes brasileiros - Ago/2016

O levantamento é divulgado mensalmente pelo IBOPE Repucom e tem o objetivo... [ Veja mais ]

16 de janeiro de 2017

Ranking digital dos clubes brasileiros - Jan/2017

O levantamento é divulgado mensalmente pelo IBOPE Repucom e tem o objetivo... [ Veja mais ]

1 de agosto de 2017

Ranking digital dos clubes brasileiros - Ago/2017

Flamengo assume a liderança em inscritos no YouTube; Chapecoense registra nova queda... [ Veja mais ]