Notícias

4 de dezembro de 2015

IBOPE Repucom: sucesso do surfe no Brasil vai muito além das ondas

Na decisão do título mundial de surfe – que acontece de 8 a 20 de dezembro, no Havaí (EUA) – os brasileiros Filipe Toledo, Adriano de Souza e Gabriel Medina estão entre os sete finalistas que disputarão a taça de campeão do mundo. E, de acordo com estudo do IBOPE Repucom e da WSL, a etapa Oi Rio Pro, que aconteceu em maio desse ano, no Rio de Janeiro, foi a mais vista na história do torneio.

O alto nível dos surfistas brasileiros foi determinante para o crescimento do interesse pela competição, que reuniu mais de 30 mil fãs do esporte na praia do Pepê, durante o Oi Rio Pro.

O destaque do levantamento, no entanto, foi a repercussão do evento no ambiente digital. O site da WSL registrou mais de sete milhões de visualizações e 1,5 milhão de horas assistidas entre cobertura, ao vivo, do Oi Rio Pro e demais conteúdos disponibilizados no período, um aumento de 196% e 65%, respectivamente, se comparado ao ano anterior. O número de pageviews no site da WSL também alcançou um crescimento de 143% em relação a 2014.

“Fomos surpreendidos pela paixão dos fãs brasileiros no Oi Rio Pro 2015”, disse Paul Speaker, CEO da World Surf League. “Como estamos nos aproximando do Billabong Pipe Masters, no Havaí, com três brasileiros na disputa pelo título, – estamos ansiosos para fornecer aos milhões de fãs no Brasil e ao redor do mundo a cobertura completa através do nosso site e do nosso aplicativo gratuito”, finaliza o executivo.

O estudo do IBOPE Repucom também indicou que, desde o lançamento do aplicativo oficial da WSL, em abril desse ano, mais de 200 mil downloads foram feitos por brasileiros, mas do que qualquer outro país no mundo. Durante o campeonato, #OIRIOPRO foi a 4ª hashtag mais usada no Twitter, no Brasil.

“O sucesso do Oi Rio Pro foi extraordinário e certamente vai elevar o patamar do esporte no Brasil. Originalmente uma modalidade de nicho, o surfe já pode ser considerado um dos esportes emergentes mais importantes no país, não apenas pelo sucesso dos atletas celebridades brasileiros, mas também pela atenção que a grande mídia dedica ao surfe”, concluiu o diretor do IBOPE Repucom, José Colagrossi.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Veja também

15 de dezembro de 2016

Após a tragédia, cresce número de seguidores da...

<img class="img-responsive" src="http://www.iboperepucom.com/media/2016/12/escudo-chape2017.png" alt="escudo-chape2017" width="199" height="235" /> Desde a tragédia do final de... [ Veja mais ]

27 de maio de 2015

Liga Brasileira de Basquete tem o mesmo apelo...

Pesquisa do IBOPE Repucom mostra que a NBB (Liga Brasileira de Basquete)... [ Veja mais ]

30 de março de 2017

Aparições da marca “Cidade Linda” nos jogos da...

De acordo com levantamento do IBOPE Repucom, o retorno de exposição em... [ Veja mais ]