Notícias

12 de novembro de 2020

IBOPE Repucom lança ranking digital 2020 das confederações esportivas brasileiras

São Paulo, 12 de novembro de 2020 –  Após o adiamento dos Jogos Olímpicos de 2020 para o próximo ano, o IBOPE Repucom divulga a edição 2020 do ranking digital das confederações brasileiras de esporte.  Segundo a análise, 90% das 56 confederações analisadas mantiveram e ampliaram o volume de seguidores em suas bases digitais, em comparação com o último levantamento realizado em Junho de 2019 pouco antes da realização dos Jogos Pan-Americanos de Lima.

Em comparação com a última edição do estudo, foram ao todo mais de 2 milhões de novos inscritos nas redes oficiais das confederações esportivas no País, e a Confederação Brasileira de Futebol mais uma vez lidera ao concentrar mais de 1,5 milhão de novos inscritos (77% do total). A plataforma com maior participação no crescimento no período foi o Instagram, que concentrou  78% do total ao somar 1,6 milhão de novas inscrições, seguida pelo YouTube com 422 mil novos inscritos. A CBF lidera o ranking digital entre as seleções de futebol no mundo.

Além da CBF, estão entre as cinco confederações que mais cresceram no período: Vôlei (CBV), Jiu-Jitsu (CBJJ), Basquete (CBB) e Futsal (CBFS).

O estudo abrangeu o TikTok, nova rede social com grande adoção no meio esportivo atualmente, porém ainda registra baixa adesão por parte das confederações esportivas brasileiras. Apenas 5 confederações esportivas estrearam perfis oficiais no TikTok: Futebol (CBF), Vôlei (CBV), Atletismo (CBAt), Esportes Aquáticos (CBDA) e Esportes no Gelo (CBDG).

A CBV (Confederação Brasileira de Vôlei), segunda entidade que mais cresceu no período e também vice-líder do ranking, registrou 82 mil novos inscritos, 60% através de sua conta no Instagram. A confederação criou sua conta no TikTok e conquistou 20% de crescimento da entidade no período.

A CBJJ (Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu) fecha o pódio de crescimento do período, com 50 mil novos inscritos, 95% provenientes do canal “IBJJF” no YouTube, o segundo maior canal entre as confederações esportivas brasileiras. A confederação de jiu-jitsu possui a peculiaridade de gerir contas no Twitter e YouTube da IBJJF no idioma em inglês, reforçando a relevância internacional do “Brazilian jiu-jitsu”.

A CBB (Confederação Brasileira de Basquete) figura em quarto lugar em volume de crescimento, com 43 mil novos inscritos, 77% originários do Instagram. A entidade ultrapassou a Confederação Brasileira de Ginástica no ranking, atingindo a décima posição, além de registrar o maior crescimento percentual do TOP 10, com aumento de 30% de sua base digital desde junho/2019.

A CBFS (Confederação Brasileira de Futsal) fecha o TOP 5 crescimentos somando 28 mil novos inscritos, 72% advindos do Instagram. O perfil da entidade nesta plataforma, inclusive, é atualmente o quinto maior do país entre confederações.

Em relação às mudanças de posições, destacam-se a CBSk (Confederação Brasileira de Skate), que ganhou 2 posições, a CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo), com 3 posições, a CBDG (Confederação Brasileira de Desportos no Gelo), com 9 posições e a CBE (Confederação Brasileira de Esgrima), com 3 posições.

A CBSk (Confederação Brasileira de Skate), além de ganhar 2 posições, também registrou um aumento de 40% de sua base digital. Os torneios mundiais das modalidades Park e Street foram sediados na cidade de São Paulo em Setembro de 2019, e vivemos a expectativa da estreia do esporte nas Olimpíadas no próximo ano.

A CBM (Confederação Brasileira de Motociclismo) registrou um aumento de 43% de sua base digital no período, com 76% provenientes de seu canal no YouTube. A entidade já ganhou 11 posições nos últimos dois anos.

A CBDG (Confederação Brasileira de Desportos no Gelo) foi a confederação com o maior ganho de posições na edição 2020 do ranking, com 51% de seus novos inscritos provenientes de sua conta no TikTok e um crescimento percentual total de 98%. A entidade, visando aumentar a prática de suas modalidades no país, inaugurou em 2020 a Arena Ice Brasil em São Paulo com espaços para as práticas de seus esportes, respectivamente Curling, Hóquei no Gelo e Patinação Artística.

A CBE (Confederação Brasileira em Esgrima) registrou um aumento de 68% de sua base digital, com concentração de 63% deste volume devido ao ser perfil no Instagram. A modalidade também se destaca com resultados esportivos, conquistando a primeira medalha de ouro do Brasil no Mundial de Esgrima no ano passado com Nathalie Moellhausen.

“Nossas análises mostram que a CBF é líder global de seguidores nas redes sociais, o que demonstra que o Brasil segue no lugar mais alto do pódio como país do futebol. Outras confederações como a do Vôlei, Jiu-Jitsu e Basquete ganham visibilidade nas redes sociais revelando nossa capacidade de explorar positivamente o potencial midiático esportivo de outras frentes. Entretanto, esse estudo mostra que existe um enorme espaço de crescimento do engajamento dos fãs brasileiros com seus esportes favoritos. As mídias sociais permitem o exercício da paixão do esporte 24/7, e as confederações devem usar suas plataformas digitais para alimentar essa paixão.  Com a proximidade das Olimpíadas que foram adiadas para 2021, é importante o Brasil ampliar sua popularidade em esportes olímpicos. Os esportes radicais como skate, por exemplo, têm forte potencial em atrair o público jovem e despontar em mídias como o Tik Tok que promete ser uma forte tendência para os próximos anos” comenta José Colagrossi, diretor executivo do IBOPE Repucom.

 

Confira abaixo o levantamento completo:

Ranking Digital Das Confederações Brasileiras

Levantamento anual do IBOPE Repucom sobre o volume de inscritos nas redes sociais das confederações esportivas pertencentes, vinculadas ou reconhecidas pelo Comitê Olímpico Brasileiro (COB).

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Veja também

28 de setembro de 2017

Flamengo assume liderança do ranking digital e se...

<em><strong>O clube da Gávea ultrapassou os 19 milhões de seguidores e se... [ Veja mais ]

13 de junho de 2018

Copa do Mundo está entre os campeonatos preferidos...

<h4><em>Pesquisa DNA Torcedor destaca os campeonatos preferidos dos brasileiros</em></h4> <em> </em> <strong>São Paulo, 13 de... [ Veja mais ]

9 de novembro de 2017

IBOPE Repucom revela os clubes estrangeiros que conquistaram...

<strong><em>Pesquisa indica os clubes internacionais que se destacam como segundo time de... [ Veja mais ]